domingo, 20 de março de 2011

Motivo para viver

Não, não é um Blog abandonado.
Abandonados estamos todos de nós mesmos. E esta tarefa é árdua.
Há que distanciar-se de velhos hábitos para cuidar de espiritualizarmo-nos
Criar novos caminhos. Aventurar-nos em busca dos desejos...

Mexam-se!!

Bem haja!

Joice Worm

8 comentários:

Ilaine disse...

Criar novos caminhos... isto é o que importa. A aventura está dentro de nós e temos muitos desejos. Vamos buscar. Beijo

Welwitschia disse...

Passei por cá, estive a ver os teus pensamentos nestes tempos. Há mudanças em ti, em mim, no mundo, este é um tempo de vivências fortes. Gosto das minhas, estão a ser desafios muito fortes e eu estou aqui de pé. Bem digamos que com um pé, o outro já está noutro lado. Não sei qual lado, mas isso não interessa. P que é importante é que está de viragem, estamos de passagem.Namasté

Joice Worm disse...

Ilaine,
Escrevi-te uma mensagem. Adorei a sua visita, minha linda. Gosto sempre quando cá aparecesses.
Muac!

Joice Worm disse...

Olá Welw,
Quanto tempo. Quando é que cá aparecesses? É sempre a correr.
É verdade. É tempo de mudanças. E será condição sine qua non o nosso crescimento espiritual. Que sigam os mais sábios.
Bem haja!
(Saudades de ti...)

la chica maravilla disse...

Quanta razao tens, minha linda!
Continuar a viagem espiritual... isso estou a fazer...

beijinhos,

Caro

Joice Worm disse...

Oi Caro,
As razões são mais que muitas. Não tenho dúvidas de que há uma continuidade, não da matéria mas sim da energia que carrego comigo.
E digo-te, acreditar traz-me uma sensação maravilhosa.
Vaya! Jeje.
Beijinhossssss

Fernanda disse...

Não é? Ainda bem que não, mas até pensei que fosse, da última vez que estive aqui Joyce.
Afinal todos os ciclos têm um fim e eu mesma penso quando chegará o fim do meu ciclo, na blogosfera.
Entretanto, é também isso que me mantém por aqui, traçar novos caminhos, recriar-me aventurando-me no descoberta de mim mesma.
Blogue também serve para isso, ou deverei dizer: sobretudo para isso? Sim, é mais correcto!

Beijos e saudades de te ler!

xistosa - (josé torres) disse...

Qual o motivo para viver?
O estarmos e sentirmos a terra debaixo dos pés.
Mas na verticalidade da vida.
Tenho andado fugido, o maldito relógio só tem 24 horas e eu, mesmo reformado, necessitava de um relógio com mais horas.
Estou a tentar voltar à vida, eu que andei em rotação no espaço sideral.

Um abração de amizade.