sábado, 11 de agosto de 2007

Anjo da Guarda

(Fiz este texto para o meu Blog do "Euvoscompreendo", e resolvi passar para aqui, porque gosto dele...)

Fecho os olhos e imagino o meu anjo da guarda... muito gordo, com uma carinha amorosa e rosada... não, aliás... magrinho... não...uma mulher... uma Anja da Guarda... e se for uma criança? Criança pode ser Anjo da Guarda? Se for, então em quero em forma de criança... Espírito elevado, cheia de conselhos para dar.
Mas esta criança imagino criança comigo. Imagino que este Anjo tenha crescido junto comigo. Imagino que tenha experimentado as minhas alegrias e tristezas... Imagino-o no final conversando e relembrando os velhos tempos de infância em que nós dois éramos inocentes e felizes...
Meu Anjo da Guarda agora tem a minha idade e tem medo de envelhecer. Sobretudo tem medo de me perder. Por isso tento não esqueçê-lo. E vou falando com ele todos os dias, sempre que posso... peço tudo que preciso para minha vida. E ele me atende. Sempre. Se não, peço outra vez e de outra maneira... Mas insisto. Aí ele resolver ir pedir por mim. E então me é concedida aquela graça. Consigo tudo o que quero, depois alguma coisa não dá certo e eu rezo para me livrar daquele pedido... Então compreendo por que ele não queria me fazer a vontade ao princípio.
Tentou me proteger mas não tinha entendido! Humm... Agora penso antes de pedir! E aceito o que puder receber!

4 comentários:

Raquel disse...

Uma criança seria legal, mas uma mulher também seria...hehehe
Acho que o mais importante é confiar no anjo da guarda, seja ele/ela como for e acreditar que só os pedidos que realmente sao importantes e beneficos serao atendidos.

Besitosss

JOICE WORM disse...

É mesmo Raquel. Desde que seja Anjo da Guarda, o sexo ou a idade não interferem. De certeza absoluta a entidade está ali para ajudar. Por isso você foi e voltou do Tibet!!!
As fotos que postou estão maravilhosas. Uma reportagem de quem realmente pisou aquelas terras. Adorei.
Beijo grande para ti da Joice!

Fernanda disse...

Até hoje rezo ao meu anjo da guarda e falo com ele. Já ensinei as mesmas orações aos meus filhos e incuti-lhes a idéia que a proteção deste ser é fundamental.
Mas, Joice, não dizem que os anjos não têm sexo? Ok, o meu é homem!
Bjos

JOICE WORM disse...

Olá Fernanda,
Realmente, dizem que os anjos não tem sexo, mas como podemos nós vê-los figurativamente sem eligirmos o sexo? O ser humano está habituado a fazer uma imagem semelhante para não se chocar e um anjo sem sexo, no mínimo, apagaríamos os orgãos, mas a cara... como faríamos? Complicado isso, né amiga.