sexta-feira, 31 de julho de 2009

A vida em cor-de-rosa

Quem conhece a tradução de "La vie en rose" cantada por Edith Piaf, sabe o que é esparramar-se de amor dentro desta melodia de-li-ci-o-sa...

"Olhos que fazem baixar os meus
Um riso que se perde em sua boca
Ai está o retrato sem retoque
Do Homem a quem eu pertenço

Quando ele me toma em seus braços
ele me fala baixinho
Vejo a vida cor-de-rosa

Ele me diz palavras de amor
Palavras de todos os dias
E isso me toca

Entrou no meu coração
Um pouco de felicidade
Da qual eu conheço a causa

É ele pra mim, eu pra ele
Na vida, ele me disse
Jurou pela vida

E desde que eu percebo
Então sinto em mim
Meu coração que bate

Noites de amor que não acaba mais
Uma grande felicidade que toma seu lugar
Os aborrecimentos e as tristezas se apagam
Feliz, feliz até morrer

Quando ele me toma em seus braços
Ele me fala baixinho
Eu vejo a vida cor-de-rosa

Ele me diz palavras de amor
Palavras de todos os dias
E isso me toca
Entrou no meu coração
Um pouco de felicidade
Da qual eu conheço a causa

É ele pra mim, eu pra ele
Na vida, ele me disse
Jurou pela vida

E desde que eu percebo
Então sinto em mim
Meu coração que bate"

E a melodia aqui vai tachada no Youtube...
http://www.youtube.com/watch?v=rKgcKYTStMc&feature=related

Falar de amor é preciso e se preciso for,
será a minha lei e a minha espada!
Joice Worm

9 comentários:

Antonio saramago disse...

AMor contigo não se discute...

MENSAGENS AO VENTO disse...

_________________________________

...gosto demais dessa música! Não conhecia a tradução inteira...Obrigada, Joice!


Beijos de luz e o meu carinho muito especial!!!

__________________________________

Joice Worm disse...

Oi Antonio,

Que saudades, amigo! E que distancia me pus, hein? Que vida tão cheia de trabalho e falta de tempo para mim... mas realmente, estou seeeeeeeeempre apaixonada por tudo. Não há maneira de deixar de ser como sou. Adoro ADORAR! Hehe...

E aí? Como estão as coisas? Acredito que por piores ou melhores que estejam, você tem sempre tudo ao controle, não é mesmo?

Muitosssss beijos meus aí para casa, amigo.

Um grande abraço para ti.

.......

Mensagens ao vento,

Que nome espectacular para um Blog! Pois é, a tradução tanto quanto a música são uma delícia, não é mesmo? Me enchi de prazer ouvindo está canção hoje e postei para não perder o momento e poder partilhar, assim foi...

Beijos, linda!

Daniel Fernandes disse...

Venho dizer que esta letra esta muito perto da realidade de muitos seres humanos.
Cumprimentos para voçe.
E claro para toda familia.

xistosa - (josé torres) disse...

Gosto muito de a ouvir, mas a Edith Piaf foi quem a viveu mais intensamente.

O amor é tudo ...
Um amor por uma cerveja!
Um amor por uns tremoços!
O amor por uns amendoins ou alcagoitas!
O amor por uma sombra, sem fazer sombra ao amor!
O amor a um "centollo" ou a uma sapateira, a uns percebes!

Não sou muito agarrado ao amor, mas não utilizo a espada, o "tenedor" ou alicates ou mesmo um martillo.

Vou beber uma cervejola que fiquei com sede.

Ainda não tenho a Internet a 100%.
Disseram-me que até ao dia 10.
Só não sei qual será esse "10", é que os meus calandários t~em muitos dias "10" e pelos anos fora.

Um abração e se estiver com "ganas" talvez vá até Badajoz.

Até já.

Amordemadrugada disse...

Realmente
é linda
Já conhecia
besito e boa noite Joice

Rosemari disse...

É uma letra maravilhosa!!Apaixonante!

Joice muito obrigada por prestigiar-me no NOvitas, adorei te ver por lá.

beijos

Welwitschia disse...

Eheheheh tou com a xistosa, amor é amor por uns percebes, uns tremoços, uma cervejola...
A sério: Obrigada Joice por esta tradução, adoro a Edith e especialmenr«te esta canção. Assim recordada de manhã, aviva a consciencia de k estou apaixonada, por tudo e por toda a gente. Estou a passar por uma fase linda. Espero k não passe mais. Eu amo mto.

Ilaine disse...

Que tão lindo, menina!
Adorei!