sábado, 25 de outubro de 2008

Eu e você

...Eu e você, quem de nós dois pode concluir que papel fazemos melhor na vida...

Sou melhor no papel de filho, ou de pai?
Sou melhor no papel de filha, ou de mãe?

... de neto, neta? ou avô, avó?
... de irmão, irmã? cunhado, cunhada?
... de tio, tia? primo, prima?

...marido, mulher? amante?
...empregado ou patrão?

Sou melhor como eu para mim mesma?
ou como amigo de meu amigo?

Tantas vezes temos que nos repartir, que é melhor não ser bom apenas em uma escolha. Mas sim, o percentual suficiente "ótimo" em cada situação.

Assim somado, completas de ti o 100% esperado.

Joice Worm

10 comentários:

Índia disse...

Ao invés de dividir, melhor somar amor, cuidados, alegrias, tudo isso q recebemos quando somos, maes, filhas, amigas, irmãs...

Beijao querida, um lindo domingo pra vc.

acqua disse...

Eu prefiro somar que dividir. Ao longo dos anos vamos adquirindo mais e mais e somando tudo na famosa soma 1 + 1 = 2 e por aí vai.
Bom domingo pra ti carissima

la chica maravilla disse...

A veces, dividir, restar, eliminar es sumar, sumar para una misma.
Cada una de nosotras somos tantas cosas aunque a veces haya que potenciar una de nuestras facetas para ser un todo completo.
Beijo,
Caro

Nanda Nascimento disse...

Temos que fazer o nosso melhor sempre em em todas as ocasiões e tudo refletirá bem.

Beijos e flores!

Vivian disse...

...na soma de um conviver perfeito,
chegamos no resultado da quase
excelência.

sim,
quase.

pq excelente só Deus!

um bj, linda Joice!

Ilaine disse...

Somar e dividir faz parte da vida. Ora somos mais mãe, outras vezes mais mulher. Constantemente temos que nos doar, tirando um pouco daqui para adicionar ali. Se estou bem comigo mesma, sou melhor para os que me rodeiam. Vou aprendendo...

Saudades!
Beijo!

Antonio saramago disse...

Qual será o teu lado negativo?

Sol da meia noite disse...

Temos em nós a capacidade de ser tudo em tudo, dando o nosso melhor.
E dar o nosso melhor, é pôr amor em cada situação.
Não temos que ser perfeitos.
Não temos que dar o que não temos.
Mas mesmo que demos pouco, que seja dado com amor.

Beijos, querida * *
Sorriso :-)))

Gilbamar disse...

Como é bom dar as mãos e unir, de modo a somar, nunca dividir. Que seria de nós sem as pessos a quem amamos, os amigos, os semelhantes? A vida é uma linda peça de teatro a ser encenada num palco cercado por belos sentimentos de perdão, entendimento, sorrisos e harmonia. Os percalços nós vamos solucionando a cada dia.

Grande abraço perfumado do amigo Gilbamar.

No Limite do Oceano disse...

Joice seria bom todos alcançarmos e vez em quando os 100% que falas, mas penso o que ser humano em vez de evoluir positivamente, está a a cair no erro de retroceder. Somos cada vez mais egoístas, e pelo o que sei , o umbigo de todos nós não cresce, apesar de olharmos só para o nosso.

Pessimismo à parte, vejo o que o teu "sofá amarelo" tem tido muita afluência, espero passar por lá, mas ainda não sei que heterónimo poderei usar...:-p

*Hugs n' smiles*
Carlos