quinta-feira, 26 de junho de 2008

Falsa-mamã

Estou perdendo minhas formas...

Nunca pensei que fosse um dia me importar. Não sou propriamente gorda, nem magra. Estou no intermédio.

Já tive uma cintura perfeita e pesava 45 quilos quando casei. Agora peso cerca de 55. Dez quilos a mais que faz uma grande diferença. Principalmente ao apertar saias e calças... Que chato!

Gosto de vestidos, mas agora, cada vez que visto um me sinto meio grávida. Me olho de frente, me olho de lado, me olho de costa... Demoro um bocadinho a andar de um lado para o outro na casa, para ver como me sinto, e de repente, quando bato meus olhos outra vez no espelho... zás: Lá estou eu... grávida. Sem estar.

Se está perto do período, tenho uma desculpa, se estou com prisão de ventre, também posso me desculpar, mas quando não tenho nem uma coisa, nem a outra... Só posso é, conversar a encolher a barriguinha.

Outro dia vi uma série de fotos minhas, em que em todas elas, estou sempre com o casaco no braço na altura da barriga. Acho que já está virando complexo.
Hoje vou andar uns kilometros, ontem já dancei ao som do samba até suar o corpo todo, comi salada e frango assado, iogurte, laranja e abacaxi....

Mas hoje com tanto calor e o jogo da Espanha na copa Europa, tenho que beber uma cervejinha!!

Ninguém é de ferro e a barriga vai aguentando a silhueta de falsa-mamã... (risos)

P.S.: Postei também no "euvoscompreendo" porque tenho lá outros leitores. Assim o complexo vira piada! (risos baianos...)
Joice Worm

6 comentários:

conhecimento disse...

AI AI!!!! Então ke é isso? Mulher quarentona é Valentona!!!

JOICE WORM disse...

O pior António, é que o caminho já está mais próximo dos 50s. Se eu tivesse o dinheiro da Sofia Loren, não estava preocupada com a estética... Mas deixa lá. Me sinto super bem comigo mesma. Isto é o que importa. Até me divirto!

Denise disse...

Joice querida
Esse é o grande problema da maioria das mulheres, eu por exemplo sou a própria mulher sanfona. Também voltei a caminhar para poder comer sem complexo de culpa, mas vamos combinar, comer é muito bom.
Os homens é que estão certo, comem e bebem sem a menor culpa, é bem verdade que morrem bem antes de nós, mas aproveitando bem os bons prazeres da vida.
Gostei muito da sua visita no meu photoblog, vc' poderia colocar fotos da Espanha no seu blog para conhecermos a sua cidade, assim fazíamos uma troca e viajaríamos sem sair do lugar e nem gastar dindin.
Bjs e um ótimo fim de semana.

JOICE WORM disse...

Boa idéia esta de colocar fotos daqui de onde vivo, e o mais engraçado, é que já moramos aqui em Badajoz e ainda não temos nem uma foto do lugar... Pode?
Quando o objectivo da mudança é outro, não dá para fazer turismo Deni. Mas mesmo assim, já é hora de sair fotografando por aí, apesar de minha máquina ainda ser daquelas que tem que pagar revelação...
Pois é, os homens não se preocupam muito com a barriguinha, mas mesmo assim, acho que já começam a pensar nisso...
Obrigada por ter vindo Deni. Um beijo grande à toda familia!

Aline Romero disse...

Ei, Joice!
Voce é mais jovem, bonita e inteligente que grande parte dos meus amigos adolescentes...
Parece clichê, mas pra mim é verdade: a aparência imorta muito pouco. E o espírito não envelhece!
Beijo!
=*

JOICE WORM disse...

Aline,
Obrigaduuuuuuuuuuuu.
Bonita é você com este coração tão especialmente apaixonado. Tenho lido suas narrações poéticas e adoro!... Um beijo grande para ti, linda.